Tem salvação sim! 3 dicas para lavar cortina branca encardida

Tem salvação sim! 3 dicas para lavar cortina branca encardida

Não deixe o seu quarto ou sala com o ar sujo nem desgastado. Por isso, aprenda agora mesmo como lavar cortina branca encardida e renove o aspecto em sua casa.

No dia a dia, as suas cortinas atraem e absorvem poeira e fuligem, além de mofo, bactérias e alguns vírus. Como você pode imaginar, isso afeta negativamente a qualidade do ar respirado.

Por isso, o indicado é que você faça a limpeza das cortinas com a regularidade de pelo menos, uma vez a cada seis meses. Esse cuidado ajuda a manter o ambiente em sua casa limpo e fresco. Continue lendo!

Saiba como lavar cortina branca encardida

Você sabia que tem como lavar cortina branca encardida com itens que você provavelmente já tem em casa?

Então, veja a seguir algumas receitas caseiras. Escolha uma delas e deixe suas cortinas como novas.

1. Vinagre branco e água morna

Primeiramente, encha uma banheira, tanque ou bacia com a proporção de uma colher de chá de detergente neutro para cada quatro litros de água morna.

Advertisement

Em seguida, lave suas cortinas delicadamente à mão.

Feito isso, deixe a água ir embora pelo ralo. Enxágue as cortinas com água limpa e morna até que o detergente saia por completo.

Por fim, encha novamente o recipiente à sua escolha com água morna e adicione uma colher de sopa de vinagre branco. Lave o tecido suavemente à mão por cerca de 10 minutos.

2. Use bicarbonato de sódio

Escolha um recipiente que cubra toda a sua cortina e encha com água morna. Depois, adicione uma xícara de bicarbonato de sódio. Em seguida, mergulhe a cortina e deixe-a lá de um dia para o outro.

As colheres de sopa de bicarbonato de sódio funcionam na remoção das manchas da cortina. Também servem na eliminação de qualquer sujeira ou odor desagradável restante.

No dia seguinte, use uma escova e trate as manchas que permanecerem na cortina.

Vidro aberto com pó branco. Imagem ilustrativa texto como lavar cortina branca encardida.
O bicarbonato de sódio serve na limpeza doméstica de diversas formas.

3. Produto branqueador para tecidos

Encha uma banheira com um produto branqueador de tecidos, como água sanitária ou alvejante, dissolvido em quatro litros de água quente. Deixe as cortinas de molho nessa mistura por várias horas.

Antes de colocar a cortina nesse tipo de solução, saiba que é importante que você use um produto à base de oxigênio e não de cloro.

Encharcar o tecido em um líquido com cloro tem maior probabilidade de causar danos ao material.

Lavar cortinas: jeito certo para cada tipo de tecido

Antes de ver como lavar cortina branca encardida de cada tipo de material, saiba que tecidos diferentes precisam de cuidados próprios de limpeza.

A seguir, veja como proceder com os tipos mais comuns de cortinas.

Algodão puro

Se você for usar a máquina de lavar para as suas cortinas de algodão puro, use o ciclo suave, com água fria ou morna. Para uma limpeza mais eficaz, adicione detergente neutro.

Se for possível, pendure a cortina em um varal para secar, em um local longe da luz do sol. Você também pode colocá-la na secadora no ciclo delicado.

Algodão pré-encolhido

Tanto o algodão pré-encolhido como o tergal podem ser colocados na máquina de lavar, usando sabão em pó comum.

A vantagem do algodão pré-encolhido é que o material não corre o risco de encurtar ao lavar com água quente.

Linho e seda

As cortinas de linho, algodão puro e seda são mais delicadas. Por isso, não é recomendado água quente.

Na verdade, muitas delas não podem ir na máquina de lavar ou sequer ser lavadas com água. Nesse caso, o indicado é a limpeza com um pano seco e que não solte fiapos.

Cortina branca detalhada. Imagem ilustrativa texto como lavar cortina branca encardida.
Tenha cuidados extras para não danificar tecidos delicados.

Caso seja possível lavá-las na máquina, coloque, no máximo, duas cortinas e selecione o ciclo para tecidos delicados. Use água fria e não deixe centrifugar.

Feita a lavagem, pendure as cortinas para secar bem esticadas, na vertical e, se possível, longe do chão. Se for necessário passá-las com ferro, faça isso com uma temperatura baixa e sem usar o recurso de vapor.

Blackout de PVC

Para uma limpeza profunda ou no caso de manchas, uma grande vantagem desse tipo de cortinas é que você pode usar água.

Assim, adicione um pouco de sabão neutro à água morna. Com isso, você deve conseguir resolver o problema. Porém, tome cuidado de não usar água quente, pois pode danificar a integridade do material.

Então, para saber mais sobre o passo a passo de como limpar suas cortinas do tipo blackout sem danificar, continue a ler este artigo que preparamos para você.

Poliéster

Normalmente, as cortinas feitas de náilon ou poliéster podem ser colocadas na máquina de lavar sem problemas.

Assim, lave as cortinas em água fria e no ciclo delicado, usando um detergente suave, próprio para esse tipo de tecido. Depois, seque em temperatura baixa e pendure enquanto ainda estiver úmida.

Renda

Já para cortinas brancas de renda, lave-as com água morna, um pouco de água oxigenada e sabão neutro.

Dobre as cortinas em um quadrado de cerca de um metro ou menos. Coloque as cortinas na água e não deixe desdobrar. Mergulhe-as por cerca de 15 minutos e pressione para baixo para lavar.

Cortinas romanas

Remova as hastes, argolas e quaisquer acessórios que façam parte das cortinas e não sejam de tecido. Em seguida, lave-as em um ciclo delicado com água fria.

Para secar, coloque-as esticadas e na vertical. Se você julgar que é necessário, passe com ferro.

Cortina romana branca listrada.
No caso de cortinas romanas, tire os acessórios e coloque apenas o tecido para lavar na máquina.

Voil

Geralmente, as cortinas transparentes são fáceis de limpar. Dessa forma, uma boa sacudida pode ser suficiente para remover a poeira e os detritos que ficam impregnados.

No caso de manchas pequenas, você pode removê-las com água e detergente neutro. Depois, tudo o que elas precisam são cerca de 40 minutos secando ao ar livre.

Veludo

Remova a poeira com uma escova de cerdas macias. Escove-as na direção do crescimento dos pelos, para mantê-las uniformemente macias. Trabalhar na contramão pode fazer com que pareçam arrepiados.

Depois, use um aspirador de pó com um bocal de escova sobre as cortinas. O método a seco é indicado para a limpeza completa e profunda de tecidos delicados.

Mas uma limpeza moderada pode levar água. Algumas cortinas podem ir na máquina e também podem ser lavadas à mão sem danos.

Cortinas rolô

Para cortinas rolô, você pode utilizar um pano úmido, passando em movimentos do centro para as pontas. Você pode fazer esse tipo de limpeza sempre, sem medo de danificar a cortina.

Porém, para uma limpeza completa e profunda, use sabão líquido, mas não deixe molhar muito. Isso pode danificar as costuras.

Além das suas cortinas, é importante cuidar de outras partes da limpeza residencial, como tapetes, colchões e estofados. Para isso, o ideal é contar com a ajuda de um serviço profissional.

Nesse caso, dê preferência para uma empresa que realize o serviço por um método a seco. Essa é uma forma de limpeza que não deixa qualquer umidade ou resíduo no móvel tratado.

Portanto, o serviço não faz qualquer sujeira no local e você já pode voltar a usar o item limpo normalmente, pouco tempo depois.

O maior benefício desse método é que não há risco de proliferação de mofo e bactérias na superfície ou no interior dos móveis.

Cortina.
Para um ambiente saudável, é essencial que você higienize regularmente as suas peças estofadas e de tecido.

Atualmente, a maior empresa do mundo especializada nesse tipo de serviço é a Acquazero. Para agendar a limpeza em alguma unidade da rede, ou na sua casa basta entrar no site ou baixar o aplicativo da marca.

Na caixa que vai aparecer, digite o seu endereço e encontre a solução mais próxima.

A Acquazero tem mais de 400 unidades! Em seguida, selecione os detalhes do seu atendimento, bem como o dia e a hora que deseja a visita.

Os técnicos da Acquazero saberão como lavar cortina branca encardida e deixá-la como nova. A empresa ainda oferece serviços de estética automotiva.